sábado, 28 de agosto de 2010

Por que o blog tá parado...

Parece que faz séculos que não venho aqui...Embora faça apenas uma semana. 

O fato é que além de eu estar um pouco sem tempo, eu estou pensando seriamente em mudar o nome do blog. Um amigo me chamou atenção para uma coisa importante: minha identificação com o blog não deve ser passageira, mas permanente. O blog tem que ser Guilherme pra sempre. E sabemos, todos nós, que "Tá di Sacanagem?" é um tanto quanto 19 anos, né?

Tenho pensado em nomes, como "Porta Aberta", "Entrementes", "Eu não existo", "Guisf", "Em construção" entre outros. Preciso de algo que se aproprie da proposta do blog, que é ser sempre uma leitura agradável para a maior parcela de pessoas que o lerem, uma vez que pretendo falar de vários assuntos. Mas ele também tem que ter um pouco de mim. E ironia é muito de mim. Então, sei lá.

Sugestões são bem-vindas.

5 comentários:

[Farelos e Sílabas] disse...

===

[visitinha nesta terra]

Rapaz, concordo contigo quando o que somos acaba impingindo nossa marca, nossa “identificação”. Aliás, pra mim, tudo isso é [naturalmente] o espaço mais nosso: interiore[s]. E todo o interior merece o cuidado, o zelo, o respeito que deve partir primeiro de nós mesmos; do contrário, quem o fará ou quem o dará?

Estou caminhando por entre as palavras e observando [pela leitura] os textos postados. Depois, retorno. Perdão por não oferecer sugestão. Consinto com a lógica dos fatos que os mais chegados acabam te conhecendo mais, o que torna tudo mais fácil... até uma sugestão bem-vinda.

===

Rodrigo Teixeira disse...

Gostei do nome no blog, achei original!
Boa semana!

Beijo pra ti

Gui Sant'Anna disse...

Então, essa semana eu devo resolver essa questão. O que eu preciso é de tempo pra pensar e avaliar as diferentes situações. Não sei como vou me sentir quando tiver 30 anos e um blog com esse nome. Avaliei muito superficialmente a questão ainda.

To naquele momento de brainstorming, sabe?

Abraços

Don Diego De La Vega disse...

-Guilherme a mil por hora

-Guilherme, o Ás

-Guilherme e os pensamentos de todo momento

-Guilherme e tudo o que existe em volta

- Gui e vcs

- Guilherme nas voltas que o mundo dá

- Guilherme e a velocidade

- Super Guilherme !

Eu acho que tem q ser algo positivo, pra cima, empolgado, que desperte vivacidade.

Nada de "Em construção" (dá um ar deprimido pq nunca vai terminar de ser construído, saca?), "Eu não existo" (também é meio deprê, tipo "me odeio").

"Guisf" tá meio sigla de funcionalismo público, "Porta Aberta" me parece um convite à putaria, fora q é meio clichê e "Entrementes" acho faculdade de filosofia demais. Muito intelectual.

Pensei em coisas leves e me veio, pensando em vc, a questão da velocidade e da corrida de fórmula 1. Imaginei os carros, a bandeirada, a rapidez, a emoção, a torcida na arquibancada lotada, o dia de sol, a Coca-Cola gelada e refrescante. E vc lá no carrão chegando em primeiro, cheio de patrocinadores e tirando o capacete com aquele sorrisão de vitória, sendo carregado por todo mundo. ;)

Espero q ajude. :)

Abraços!

Gui Sant'Anna disse...

Nossa, Diego, você me deu uma ótima ideia: asdespadas é um nome interessantíssimo. Você acha que tem que ter um gui no meio mesmo?

Muito obrigado pela contribuição, acho que agora eu to pensando em novos tipos de perspectivas.

VALEU! Mesmo ;).